Seguidores

Canção romântica - Paulo Mendes Campos




Sol voltou todo molhado,
Foi secar-se no jardim.
Um anjo pobre e honrado
É quem me guarda de mim.
Encalha o barco na tarde,
Meu coração não é porto.
Dentro da noite é que arde
Um coração absorto.
E vai chover muitas horas
Sobre dínamos cansados,
Geradores de auroras,
Geradores de auroras,
Dos poetas estragados.

Um comentário:

  1. Ler este poema ouvindo esta canção divina, gera manhãs ensolaradas em mim. LINDOOO!!
    Um grande abraço Nádia.

    ResponderExcluir