Seguidores

Água Água - Olga Savary

Menina sublunar, afogada,
que voz de prata te embala
toda desfolhada?
Tendo como um só adorno
o anel de seus vestidos,
ela própria é quem se encanta
numa canção de acalanto
presa ainda na garganta.

2 comentários:

  1. Olá, bom dia!
    Passei por aqui casualmente. Gostei muito.
    E aproveitei para levar fruta do seu pomar...
    Bem haja pelo carinho com que trata a poesia.
    Abraço deste lado do Atlântico!

    ResponderExcluir
  2. Olá, Méon!
    Fico feliz que tenha gostado das frutas deste pomar. Sinta-se à vontade para colhê-las.
    Seja bem-vindo!
    Abraço

    ResponderExcluir