Seguidores

Rebecca - Michel Melamed

Há um barco no mar
e só
há um barco no mar
porque há
mar
Senão
seria apenas um barco no ar

Há um barco no ar
Porque se não houvesse ar
seria só um barco
só um homem num barco
só um homem sufocando num barco

4 comentários:

  1. Nádia muito bonito seu poema. Há um barco, há um mar, há e não há tantas coisas...

    ResponderExcluir
  2. Gosto muito deste poema de Michel Melemed. Breve postarei outros.
    Abraço :)

    ResponderExcluir
  3. Sinto uma paz em visitar este blog, sempre com muita emoção vc posta os poemas.
    Uma beleza infinita.
    Parabéns
    Renata
    www.tecergirassois.blogspot.com

    ResponderExcluir