Seguidores

Ameaçou chuva - Fernando Pessoa



Ameaçou chuva. E a negra
Nuvem passou sem mais...
Todo o meu ser se alegra
Em alegrias iguais.

Nuvem que passa... Céu
Que fica e nada diz...
Vazio azul sem véu
Sobre a terra feliz...

E a terra é verde, verde...
Por que então minha vista
Por meus sonhos se perde?
De que é que a minha alma dista?

3 comentários:

  1. Fernando Pessoa, sempre nos convida a sonhar em suas palavras.
    bom fim de semana amiga
    beijinhos
    oa.s

    ResponderExcluir
  2. As nuvens negras um dia passam, sempre passam.
    Belo poema.
    Gdbeijo

    ResponderExcluir
  3. Espero um diz que as nuvens negras passem...
    Para que meu ser se alegre, é o q espero...
    Enquanto não passa, passo com a dor.

    ResponderExcluir