Seguidores

Azul menino - Stella Leonardos

Onde azula
na campina
um menino
de azul-fino,
pés descalços,
braços nus,

do azul lado
da campina
de azulado
mais celeste
que os celestes
mais azuis,

onde os ares
azuleam
de árias de águas
de cachoeira
de cantar a-
zuis cantares,

onde as águas
burborejam
burburinho
de azuis círculos
e áreas se asam
de azuis asas,

uma infância
de azul leste
de azul lesto
de azul terno
no azul presto
cantoeterno.


Nenhum comentário:

Postar um comentário