Seguidores

Havia uma palavra - Eugênio de Andrade


Havia uma palavra
no escuro.
Minúscula. Ignorada.
Martelava no escuro.
Martelava
no chão da água.
Do fundo do tempo,
martelava.
contra o muro.
Uma palavra.
No escuro.
Que me chamava.


Nenhum comentário:

Postar um comentário