Seguidores

Construção - Carlos Drummond de Andrade

Um grito pula no ar como foguete.
Vem da paisagem de barro úmido, caliça e andaimes hirtos.
O sol cai sobre as coisas em placa fervendo.
O sorveteiro corta a rua.

E o vento brinca nos bigodes do construtor.

3 comentários:

  1. Absolutely gorgeous ... I always admire those who can and known how to make poems.

    Dy kiss you sweet!

    xo

    ResponderExcluir
  2. Thank you for your words.
    I am very happy with your presence.
    kiss

    ResponderExcluir
  3. gostei dos textos estudei quase todos os seus textos e poesias na sala de aula todos adoramos e todos nós começamos a adimirar esses textos parabens e continue sempre assim

    ResponderExcluir