Seguidores

Dá-me tua mão - Gabriela Mistral

Dá-me tua mão, e dançaremos;
dá-me tua mão, e me amarás.
Uma única flor seremos
uma só flor, e nada mais...

A mesma estrofe cantaremos,
ao mesmo passo bailarás.
Como uma espiga ondularemos
como uma espiga, e nada mais...

Chamas-te Rosa, eu Esperança;
mas o teu nome olvidarás,
porque seremos uma dança
sobre a colina, e, nada mais...

(Tradução de Tasso da Silveira)


Nenhum comentário:

Postar um comentário