Seguidores

O verbo - Fernando Py


o verbo
preexiste
às areias do tempo

o verbo
perfaz o mundo
em seus números

o verbo
no espaço da frase
conjuga
seu traço múltiplo

o verbo
molda-se em carne
no disfarce
da palavra

o verbo
se apessoa
aos enxertos
da voz

o verbo
mal se conquista
- a doma é acerba

o verbo
se averba


2 comentários:

  1. "Lindo poema" Bom dia Nádia.

    O professor disserta sobre um ponto difícil do programa.
    Um aluno dorme.
    Cansado das canseiras desta vida,
    O Professor vai sacudi-lo?
    O Professor vai repreende-lo?
    NÃO.
    O professor baixa a voz
    com medo de acordá-lo.
    Carlos Drumond de Andrade.

    Feliz dia do professor!
    Estou atrasada, mas não me esqueci. Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Esse poema é lindo. Ele está no blog também.
    Obrigada, Lourdinha, pelo carinho, mas vc não está atrasada não, dia do professor é 15/10.

    Beijos :)

    ResponderExcluir