Seguidores

Pablo Neruda

Foi nessa idade 
que a poesia me veio buscar
 Não sei de onde veio
 Do inverno, de um rio
 Não sei como nem quando
 Não, não eram vozes
 Não eram palavras
 Nem silêncio
 Mas da rua fui convocado
 Dos galhos da noite
 Abruptamente entre outros
 Entre fogos violentos
 Voltando sozinho
 Lá estava eu sem rosto
 E fui tocado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário